top of page

MAX ERNST

Foi um pintor alemão, naturalizado Norte-americano e depois francês.

Nasceu no dia 02 de abril de 1891 na cidade de Brühl, Alemanha, e faleceu no dia 01 de abril de 1976 na cidade de Paris, França.


Também praticou a poesia entre os surrealistas, movimento do qual fez parte.



Ernst aprendeu a pintar sozinho enquanto estudava Filosofia e Psiquiatria.


Em 1914 Ernst veio a conhecer o surrealismo através de um grande pintor surrealista, Jean Arp, pelo qual manteve a amizade pela vida inteira.



Abstract Composition - Jean Arp -1915



Configuration - Jean Arp - 1927


Max Ernst tem uma biografia cheia de surpresas e experimentações. O artista sempre se dedicou à liberdade que a arte deveria levar a todos os artistas e se recusava a ficar preso em uma escola artística.


COLAGENS






"Colagem é um instrumento supersensível e escrupulosamente preciso, semelhante a um sismógrafo, que é capaz de registrar o exato quantidade da possibilidade de felicidade humana em qualquer período." - Max Ernst.


O que é o Frottage?

O frottage (do francês “esfregar”) é uma técnica artística que consiste em colocar uma folha de papel sobre um objeto texturizado. Depois, com um lápis, esfrega-se sobre o papel para obter as texturas da superfície. Essa técnica, aparentemente tão simples, foi concebida por Max Ernst por volta de 1925. Por esta razão, essa técnica artística está diretamente associada à arte surrealista.





PINTURAS








"O artista é um espectador, indiferente ou apaixonado, no nascimento de seu trabalho e observa as fases de seu desenvolvimento ." - Max Ernst.


O estilo surrealista utiliza as imagens e cenas do subconsciente com a intenção de tornar o trabalho irracional e sem compreensão lógica. Fundado por André Breton em 1924, o movimento foi o primeiro da Europa que atraiu mais membros do Dadaísmo.

O Surrealismo é similar com o movimento Simbolista, porque ambos usavam alguns elementos místicos do século XIX, mas são profundamente distintos pelas psicanálises de Freud e Jung.


O Manifesto Surrealista é um texto de autoria do escritor francês André Breton. Publicado em 1924, dialoga com o mesmo objetivo do manifesto dadaísta de romper com paradigmas convencionais sobre o que é arte e, especialmente, neste caso, sobre as formas como se produz arte.





Convite da primeira exposição dos artistas surrealistas em Paris.



Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page